terça-feira, maio 18, 2021
Home Nacional Brasil interiorizou 1,5 mil venezuelanos em outubro, diz governo

Brasil interiorizou 1,5 mil venezuelanos em outubro, diz governo

Mais de 16,7 mil refugiados do país vizinho foram aceitos no Brasil no ano

A Operação Acolhida, criada para receber, abrigar e proteger os venezuelanos refugiados da crise na Venezuela, interiorizou mais de 1,5 mil pessoas que estavam em abrigos de Boa Vista (RR) rumo ao interior do país.

Desde o início da Operação, cerca de 43 mil venezuelanos foram interiorizados, mais de 39 mil somente na atual gestão do Governo Federal. Jonathan Perez é um dos migrantes que buscou nova vida no Brasil. Há dois anos ele chegou ao país e estava nos abrigos de Boa Vista (RR). Seu novo destino é Curitiba (PR).

Saiba mais: Obras de saneamento básico recebem verba de mais de 3 mi, para continuidade

Estou muito feliz em ir para uma nova cidade. Minha esposa ficou em Roraima. Vou começar a trabalhar em um frigorífico e logo ela vai poder me encontrar”, relata Perez, durante o seu primeiro voo de avião. Ele foi um dos 125 interiorizados que seguiram em um voo para a capital paranaense em outubro.

O Subcomitê Federal para Interiorização, coordenado pelo Ministério da Cidadania, é responsável pelo processo de aprovação da transferência dos imigrantes das cidades de fronteira para outros estados. Essa é a principal estratégia do governo brasileiro para promover a inclusão socioeconômica daqueles que chegam.

A Operação Acolhida é reconhecida mundialmente pela forma como recebe e oferece caminhos e oportunidades aos nossos vizinhos venezuelanos. Sabemos que eles enfrentam muitas dificuldades diante do regime ditatorial em seu país. Aqui eles encontram suporte para uma vida nova”, afirma o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

Saiba mais: Violência contra mulheres cresce 34% em 2020, mostra pesquisa

Mais de 620 municípios nacionais participam do processo de interiorização e recebem venezuelanos. Entre as cidades que mais receberam refugiados estão Manaus (4.863), São Paulo (2.926) e Curitiba (2.791). Entre os estados, São Paulo (7.358), Paraná (6.829) e Rio Grande do Sul (5.838) se destacam.

Conheça a Operação Acolhida

Criada em 2018 para receber com dignidade os migrantes e refugiados venezuelanos, fugidos da Venezuela, que enfrenta crise político-econômica e êxodo de milhares de pessoas, a Operação Acolhida do Governo Federal é baseada em três pilares: acolhimento, abrigamento e interiorização. Cada um deles ajuda no acolhimento desses migrantes e refugiados venezuelanos.

A estratégia de interiorização teve início em abril de 2018 e até o fim de julho foram interiorizadas mais de 39,8 mil pessoas em mais de 599 cidades brasileiras. Desde o início de 2020 foram interiorizados mais de 12,6 mil venezuelanos, o que representa um investimento do Governo Federal de R$ 630,9 milhões.

De acordo com agências da ONU, o número de venezuelanos que deixaram o país ultrapassa 4 milhões de pessoas, e o Brasil seria o quinto destino procurado por eles. Para garantir o atendimento humanitário aos migrantes e refugiados venezuelanos em Roraima, principal porta de entrada da Venezuela no Brasil, o governo federal criou, em 2018, a Operação Acolhida.

Uma grande força-tarefa humanitária executada e coordenada pelo Governo Federal com o apoio de agências da ONU e de mais de 100 entidades da sociedade civil, a Operação oferece assistência emergencial aos migrantes e refugiados venezuelanos que entram no Brasil pela fronteira com Roraima. Desde o início da crise migratória, até janeiro de 2020, estima-se que mais de 264 mil migrantes e refugiados venezuelanos entraram e permaneceram no Brasil.

Popular

Olimpíada de Tóquio está confirmada mesmo com piora da covid-19 no Japão

A chefe da Olimpíada de Tóquio, Seiko Hashimoto, disse nesta sexta-feira (16) que o Japão está comprometido a realizar Jogos seguros no verão local,...

OMS: taxa de infecção por covid-19 está próxima do valor mais alto

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, disse hoje (16) que o número de novos casos de covid-19 por semana, em...

1,5 milhão de brasileiros estão com segunda dose da vacina contra covid-19 atrasada

Cerca de 1,5 milhão de brasileiros estão com a segunda dose da vacina contra a covid-19 atrasada. O dado foi trazido nesta terça-feira (13)...

Caixa inicia pagamento do auxílio emergencial a nascidos em abril

Trabalhadores informais nascidos em abril começam a receber hoje (13) a nova rodada do auxílio emergencial. O benefício terá parcelas de R$ 150 a...