domingo, fevereiro 28, 2021
Home Saúde Testes confirmam que vacina do Butantan é a mais segura em fase...

Testes confirmam que vacina do Butantan é a mais segura em fase final no Brasil

Dos 9 mil voluntários da Coronavac no Brasil, apenas 35% tiveram apenas reações leves

O Governador de São Paulo anunciou nesta segunda-feira (19) que a vacina contra o coronavírus em desenvolvimento pelo Instituto Butantan é a mais segura em fase final de testes no Brasil. Estudos clínicos com 9 mil voluntários com idade entre 18 e 59 anos no país mostram que apenas 35% tiveram reações adversas leves após a aplicação. Não houve qualquer registro de efeito colateral grave durante a testagem.

É uma vacina muito segura, isso já é esperado pela própria tecnologia envolvida nessa vacina. Na realidade, neste momento, é a vacina que tem o perfil de segurança melhor entre todas as vacinas que estão sendo testadas“, afirmou Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan em entrevista à GloboNews nesta manhã (19).

O desenvolvimento da vacina no Brasil foi iniciado em julho, através de parceria entre a biofarmacêutica Sinovac Life Science, com sede em Pequim, e o Butantan. A Coronavac é um dos imunizantes mais promissores em fase final de estudo em todo o mundo e produzida com base em tecnologia similar à de outras vacinas produzidas com sucesso pelo Butantan.

Saiba mais: Coberturas vacinais no país preocupam Ministério da Saúde

As reações mais comuns entre os participantes do estudo após a primeira dose foram dor no local da aplicação (19%) e dor de cabeça (15%). Na segunda dose, as reações adversas mais comuns foram dor no local da aplicação (19%), dor de cabeça (10%) e fadiga (4%). Febre baixa foi registrada em apenas 0,1% dos participantes e não há nenhum relato de reação adversa grave à vacina até o momento.

O estudo no Brasil foi iniciado em 21 de julho e prevê a participação total de 13 mil voluntários, todos os profissionais da saúde que atuam no atendimento a pacientes com COVID-19. Eles estão sendo acompanhados pelos 16 centros de pesquisa distribuídos por sete estados e o Distrito Federal.

Saiba mais: Covid-19: Brasil registra quase 4,5 milhões de pessoas recuperadas

A partir deste mês, a testagem do potencial imunizante contra o coronavírus está sendo ampliada para voluntários idosos, portadores de comorbidades e gestantes. “A vacina Butantan é a mais segura em termos de efeitos colaterais. É a vacina mais segura neste momento não só no Brasil, mas no mundo”, afirmou Dimas Covas, Diretor do Instituto Butantan.

“Os primeiros resultados dos estudos clínicos realizados no Brasil comprovam que, entre todas as vacinas testadas no país, a Coronavac é a mais segura, a que apresenta os melhores e mais promissores índices no Brasil. É, de fato, a vacina mais avançada neste momento”, declarou o Governador de São Paulo, Doria Jr. “A vacina do Butantan foi a que apresentou menor índice de efeitos adversos e melhores resultados até o presente momento”, acrescentou Doria.

Saiba mais: Produtos terão informações sobre teor de açúcar e sódio, decide Anvisa

Cronograma

Até dezembro, o Butantan receberá 46 milhões de doses da Coronavac, sendo 6 milhões de doses da vacina já prontas para aplicação. Outras 15 milhões de doses devem chegar até fevereiro de 2021.

A vacina desenvolvida entre a Sinovac e o Butantan é uma das mais promissoras do mundo. Ela utiliza tecnologia já conhecida e amplamente aplicada em outros imunizantes produzidos pelo Butantan.

Popular

ONU alerta para agravamento da insegurança alimentar na América Central

O nível de insegurança alimentar está aumentando fortemente na América Central, onde quatro países enfrentam crises econômicas motivadas pela pandemia do novo coronavírus e catástrofes...

Netflix acrescenta novo filme sobre Pelé no rol de documentários

Um novo filme sobre Pelé é o mais recente lançamento de uma série de documentários que tem sido descrita como a era de ouro...

Flamengo vence Inter de virada e assume a liderança do Brasileiro

O Flamengo venceu o Internacional de virada por 2 a 1 na tarde deste domingo (21) no Maracanã em partida válida pela 37ª rodada do Campeonato...

Após 9º título do Australian Open, Djokovic desabafa sobre críticas: “Sou um ser humano”

Na manhã deste domingo (21), no horário de Brasília, o sérvio Novac Djokovic venceu o russo Daniil Medvedev na final do Aberto da Austrália,...