quarta-feira, setembro 28, 2022
HomeEconomiaFomento mercantil: o que é e qual o objetivo

Fomento mercantil: o que é e qual o objetivo

Fomento mercantil é uma prática para pequenas e médias empresas

O fomento mercantil ou comercial e como também é conhecido, factoring é um prática de aquisição de direitos creditórios voltado para pequenas e médias empresas. A aquisição ocorre por meio de um valor à vista com taxas de juros.

A prática possibilita que essas empresas consigam liquidez imediata. O fomento mercantil tem como objetivo firmar alianças e parcerias de interesse, defender os interesses das empresas associadas e orientar  e preservar o segmento do fomento mercantil dentro da legalidade.

Além disso, de acordo com o Sebrae também estimula o desenvolvimento e aprimoramento tecnológico do fomento mercantil, buscando difundi-lo no segmento das pequenas e médias empresas, por meio de cursos e seminários.

Como funciona a operação do fomento mercantil?

A operação do factoring tem como característica a continuidade e a conjugação dos seguintes serviços: 

  • Prestação de serviços a pequenas e médias empresas do setor produtivo: acompanhamento comercial e das contas a receber e a pagar; exame da situação creditícia da empresa compradora dos produtos; seleção e avaliação de fornecedores; cobrança; outros serviços.
  • Suprimento de recursos: a empresa-cliente poderá ceder à empresa de factoring, no todo ou em parte, direitos (créditos) decorrentes de contratos de venda de produtos (venda mercantil), excluídas as transações de consumo.
  • Proteção contra a falta de pagamentos pelos devedores.

Qual a diferença entre bancos e o fomento mercantil?

A maior diferença entre o fomento mercantil e os bancos, é que as instituições financeiras exigem que a empresa aquisitora prometa ou atribua as faturas como garantia de um empréstimo. Enquanto que a factoring compra as faturas com descontos.

O que é agência de fomento?

Agências de fomento são instituições que possuem como foco incentivar o crescimento de empreendimentos. Como forma de estímulo, essas instituições emprestam dinheiro para empreendedores investirem em seus negócios.

Geralmente essas agências são ligadas ao Estado, seja ele federal, municipal ou estadual. No Brasil existem 16 agências de fomento, que além de ajudarem no crescimento de negócios, também melhoram o desempenho da economia local.

Com informações do Sebrae. 

Popular