sábado, maio 21, 2022
HomeNacionalAuxílio Emergencial prorrogado em 2022: saiba mais

Auxílio Emergencial prorrogado em 2022: saiba mais

Assim como em 2021, o auxílio emergencial também foi prorrogado neste ano

O Auxílio Emergencial é uma ação do Governo Federal criada em abril de 2020, que visava os impactos sociais e econômicos causados pelo novo coronavírus. No período do seu desenvolvimento, o programa beneficiou cerca de 68 milhões de brasileiros, que receberam pagamentos de 5 parcelas no valor de R$600,00 e quatro parcelas de R$300,00.

No ano de 2021, o Auxílio Emergencial continuou, mas sofreu uma redução considerável nos pagamentos, no número de parcelas e nos valores, isso porque ano passado a pandemia já estava melhorando. 

Quais são os públicos beneficiados pelo Auxílio Emergencial?

No início o benefício era pago a trabalhadores informais, desempregados, contribuintes individuais do INSS e MEIs. Já no ano de 2021, além aqueles que receberam o auxílio emergencial em 2020, passaram a receber as pessoas com renda familiar mensal de até três salários mínimos da época (R$3.300) ou com renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo da época (R$550). 

O valor do auxílio era definido de acordo com a condição do beneficiário. Por exemplo, caso morasse sozinho, o valor era de R$150, para famílias com mais de uma pessoa e que não fossem chefiadas por mulheres receberam R$250 e para famílias que fossem chefiadas por mulheres era de R$375.

Auxílio Emergencial prorrogado em 2022

Assim como em 2021, o programa também foi prorrogado neste ano. O benefício pagará mais uma parcela a população brasileira, mas há critérios. Em 2022, o governo federal liberará os valores de forma retroativa. Além disso, o valor está destinado apenas para  para os pais solteiros que tinham o direito ao benefício, mas ficaram de fora na época (ano de 2020).

Esse critério foi adotado, pois em 2020, apenas as mães solteiras foram beneficiadas, deixando os pais solos sem auxílio. Os valores do pagamento serão de acordo com o período em que o beneficiário foi incluído no Auxílio. Veja:

  • Quem recebeu as 5 parcelas do Auxílio Emergencial original (de abril a agosto de 2020), terá direito a mais R$3.000,00;
  • Quem começou a receber em maio de 2020 vai ter direito a R$2.400,00;
  • Quem recebeu a partir de junho de 2020 ganhará R$1.800,00; 
  • Quem recebeu a partir de julho de 2020 terá depósito de R$1.200,00;
  • Quem recebeu a partir de agosto/2020 terá direito a R$600.

É importante lembrar que para receber o beneficio é preciso estar inscrito no Cadastro Único até o dia 02 de abril de 2020 ou que tenha se cadastrado pelas plataformas digitais até 02 de julho de 2020.

Como consultar o Auxílio Emergencial?

Para consultar o auxílio emergencial basta acessar o site do Ministério da Cidadania com o seu CPF, nome completo e nome da mãe (caso esteja registrado em seu documento) ou pela sua conta no Caixa Tem. 

Veja também quais os documentos necessários para fazer o recadastramento do Bols Família.

Popular