terça-feira, junho 22, 2021
Home Nacional Aeroportos viram referência na retomada do turismo, mostra pesquisa

Aeroportos viram referência na retomada do turismo, mostra pesquisa

Terminais foram os que mais deram confiança aos passageiros em meio a ações de prevenção ao coronavírus

Os terminais aéreos brasileiros são uma das referências do país em relação aos protocolos de segurança do novo coronavírus. É o que mostra uma pesquisa inédita do Ministério da Infraestrutura (MInfra) que indica confiança dos viajantes nas medidas adotadas pelo setor aéreo, divulgada nesta quarta-feira (18).

Com a retomada responsável das atividades turísticas no Brasil, os aeroportos do país passaram a adotar diversas medidas de prevenção ao novo coronavírus. Os 47 terminais sob administração da Infraero, por exemplo, estão seguindo as medidas sanitárias determinadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e se tornaram referência.

Saiba mais: Quase 60 cidades do Brasil vão ter segundo turno das eleições

Quem precisa ir aos aeroportos brasileiros já se acostumou com os novos critérios de embarque, nos terminais, por exemplo, os viajantes encontrarão uma estrutura ajustada às medidas sanitárias, como estímulo ao uso de canais digitais para realização de check-in; orientação de se evitar o manuseio de cartões de embarque impressos.

Além da obrigatoriedade do uso de máscara por passageiros e pessoas em circulação nas áreas públicas do aeroporto, bem como o uso de equipamentos de proteção individual (EPI) por empregados da Infraero.

Além disso, os terminais divulgam os protocolos em sistema de som, painéis informativos de voos, cartazes e cavaletes distribuídos nas áreas de embarque e desembarque e áreas operacionais e administrativas dos aeroportos; bem como banheiros, estacionamento e área de espera dos transportes públicos; além de conteúdos em site, redes sociais e demais meios aplicáveis à Rede Infraero para prevenir e combater o covid-19.

Saiba mais: Brasil interiorizou 1,5 mil venezuelanos em outubro, diz governo

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, destacou a importância das medidas de biossegurança para a retomada do setor, como as adotadas nos terminais aeroportuários e como as previstas pelo Selo Turismo Responsável do MTur.

Quem utiliza os aeroportos no Brasil tem toda a estrutura necessária para realizar um passeio seguro”, disse. “Tais protocolos, como os adotados por quem aderiu ao Selo Turismo Responsável, são primordiais para a retomada das atividades do setor”, afirmou.

Pesquisa indica confiança

Pesquisa do Ministério da Infraestrutura (MInfra) indica confiança dos viajantes nas medidas adotadas pelo setor aéreo contra o novo coronavírus. A Pesquisa de Percepção da Segurança Sanitária no Setor Aéreo, publicada em setembro, revela que 53,1% dos entrevistados “acham que são eficientes os protocolos sanitários utilizados em aeroportos e aeronaves para evitar contaminação”.

O uso de tecnologia para reduzir contato pessoal e medidas como utilização de máscara e higienização frequente dos espaços de circulação são apontados como trunfos na reconquista da confiança dos passageiros.

Para 62,5% dos entrevistados, voar ainda é a forma mais segura de viajar. A pesquisa nacional também mostra, por conta da pandemia, um passageiro mais conectado às tecnologias e à internet.

Enquanto 69,1% já preferem realizar o check-in por celular ou tablet, a minoria (9,1%) ainda optam pelo contato direto no balcão das companhias e 83,9% estariam dispostos a utilizar a tecnologia para diminuir a interação no processo de embarque.

O setor aéreo vem atuando de acordo com as determinações da Anvisa e com o acompanhamento da Conaero e do Grupo de Trabalho coordenado pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Popular

Olimpíada de Tóquio está confirmada mesmo com piora da covid-19 no Japão

A chefe da Olimpíada de Tóquio, Seiko Hashimoto, disse nesta sexta-feira (16) que o Japão está comprometido a realizar Jogos seguros no verão local,...

OMS: taxa de infecção por covid-19 está próxima do valor mais alto

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, disse hoje (16) que o número de novos casos de covid-19 por semana, em...

1,5 milhão de brasileiros estão com segunda dose da vacina contra covid-19 atrasada

Cerca de 1,5 milhão de brasileiros estão com a segunda dose da vacina contra a covid-19 atrasada. O dado foi trazido nesta terça-feira (13)...

Caixa inicia pagamento do auxílio emergencial a nascidos em abril

Trabalhadores informais nascidos em abril começam a receber hoje (13) a nova rodada do auxílio emergencial. O benefício terá parcelas de R$ 150 a...